Religiosa e de origem humilde, Michelle Bolsonaro quer se dedicar a projetos sociais

490
Foto: José Cruz/ Agência Brasil

 

Religiosa e com voz serena, a primeira-dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, quer se dedicar durante o mandato do marido a projetos sociais que assistam à pessoas com deficiência, principalmente surdos.

Nascida em família humilde e criada em Ceilândia, a maior região administrativa do Distrito Federal, ela defende com fortes palavras o marido.”Ele é um cara humano, que se preocupa com as pessoas. Ele é um ser humano maravilhoso, quem convive sabe que ele é assim”, disse Michelle em um vídeo difundido por um dos filhos de Bolsonaro no ano passado.

A preocupação à pessoas com deficiência surgiu após ela perceber as dificuldades que um tio surdo enfrentava. O trabalho para representar essa comunidade se manteve na campanha do marido. Em todos os discursos divulgados, havia a preocupação de ter um tradutor de Linguagem Brasileira de Sinais ao lado, para passar a mensagem na íntegra para os surdos.

Michelle Bolsonaro, se manteve longe dos holofotes e até então foram poucas as entrevistas que concedeu. Uma delas, foi concedida à uma emissora de TV,  em que ela esclareceu a necessidade de trabalho ao cuidado de pessoas. “Ação social é algo que eu já fazia antes de conhecê-lo (Bolsonaro), esse é o chamado que eu tenho. Tive essa aproximação com pessoas com deficiência, surdos, porque eu tenho um tio surdo. Então eu tenho muito amor por essa comunidade, quero fazer o melhor”, disse.

Juntos desde 2006, Michelle e Jair Bolsonaro se conheceram na Câmara dos Deputados, quando ela era secretária parlamentar. Ela é mãe de duas meninas, uma de 16 anos, fruto do primeiro relacionamento e a outra de 8 anos, filha de Bolsonaro.

No governo Bolsonaro, pode-se esperar uma ativa participação feminina, já que Michelle é engajada em ações sociais. A atuação da primeira-dama, traz à tona a importância das mulheres participarem cada vez mais da política e estarem ativamente nos altos cargos de poder.

 

ASCOM PRB Mulher Nacional

 

 

Envie seu material para o PRB Mulher Nacional pelo e-mail mulherempauta@prbmulher10.com.br. Conte pra gente as ações que as republicanas do PRB estão realizando em sua cidade, será interessante divulgar essas atuações no portal.