Dezembro vermelho: A luta contra a AIDS

66

Amigas republicanas, sabemos que a AIDS é uma das doenças sexualmente transmitida mais comum no Brasil e no mundo e já foi uma sentença de morte para muitas pessoas. Mas isso já faz muito tempo, né verdade? Com o avanço da medicina, da ciência, das campanhas de conscientização, o portador da doença pode viver bem e com saúde por muitos anos depois de infectado, claro, se o indivíduo obedecer a risca o tratamento.

O Brasil conseguiu diminuir o número de mortes de pessoas com a doença e segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde, a taxa de mortalidade passou de 5,7 a cada 100 mil habitantes, em 2014 e para 4,8 em 2017.

Mesmo com toda campanha de conscientização, tecnologia, tratamentos e remédios disponíveis, ainda temos o número alarmante de 1,8 milhões de novas infecções pelo HIV em 2017 e de 940.000 mil pessoas mortas por causas relacionadas à AIDS, também em no mesmo ano. Infelizmente, todas as semanas, cerca de 7.000 mulheres,  jovens entre 15 e 24 anos são infectadas pelo HIV.

Dezembro é o mês de campanha mundial para a conscientização de como se proteger contra a Aids, cuja data é celebrada no dia 1º de dezembro. A campanha se tornou oficial no Brasil em 2017 e o laço vermelho é o símbolo de solidariedade e comprometimento nassa luta, criado em 1991, pela Visual Aids, em Nova York. A cor  vermelha, foi escolhida por causa da sua ligação com sangue e a ideia da paixão.

Neste ano, o Brasil completa 30 anos de oferta do tratamento da doença por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). Desde 2013, os medicamentos (antirretrovirais) podem ser acessados nas unidades de saúde pelos soropositivos independentemente da quantidade de vírus apresentada no corpo. Essa medida, somada à melhoria nas técnicas de diagnóstico e à disseminação de informações, foi determinante para a redução de mortes e a garantia de tratamento.

Vamos republicanas, vamos vestir também essa causa para lutarmos contra essa doença que infelizmente ainda tem assolado muitas vidas. Juntas somos mais fortes, na luta contra a AIDS! Vem com a gente!

Rosangela Gomes  

Deputada Federal PRB/RJ 
Coordenadora Nacional do PRB Mulher 

 

 

Envie seu material para o PRB Mulher Nacional pelo e-mail mulherempauta@prbmulher10.com.br. Conte pra gente as ações que as republicanas do PRB estão realizando em sua cidade, será interessante divulgar essas atuações no portal.